All the time, every day

Do you fall so short of all that’s in your heart when your friends, that you should pull up, you instead pick apart? Do you watch the world get cold, and crushed, and small? And when you could do so much, do you do fuck-all?

And, considering all this, and agreeing that it’s true, is it harder each time just to feel something new? But do you sometimes wish not to feel anymore? To wall it off? To make it all go away? To just put it to an end?

[youtube http://www.youtube.com/watchv=Pp8nG2bJIus”>http://www.youtube.com/watch?v=Pp8nG2bJIus%5D

Às vezes prefiro que falem por mim.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s