Citações transformadas em autorretratos

Ultimamente tenho encontrado muitos projetos interessantes ligados à literatura. Já mostrei alguns por aqui – os CDs repensados como livros, por exemplo, e as mixtapes hipotéticas de personagens literários. E foi justamente revendo esses trabalhos que me lembrei da época de efervescência do listal. Era difícil encontrar um usuário que não montasse uma lista com suas citações literárias prediletas.

Voltando um pouco mais no tempo, quando ainda não havia listal, goodreads ou skoob para armazenar passagens marcantes dos livros, mantive alguns cadernos de citações. Tudo organizado na medida do possível – sempre fazia uma “capa” para cada nova leitura, mesmo quando marcava poucas frases. Às vezes me inspirava pelos garranchos ao anotar tudo apressadamente, e inventava moda pelas páginas. Repassava algumas frases em forma de espiral, montando uma casa, um coração… tudo o que a imaginação permitisse.

Mas nunca fui muito habilidosa, e meus dotes artísticos sempre foram um tanto limitados. Para agravar a situação, uma das minhas maiores frustrações é não saber desenhar (só perde para o fato de ter abandonado as aulas de piano e não saber fazer tranças). Por aí vocês já podem imaginar os estragos, certo? Eu praticamente sujava um monte de páginas com os meus escritos tortos. Não foi, porém, uma atividade perdida e completamente frustrante – tenho citações especiais guardadas até hoje – além de desenhos estranhos que garantem boas risadas.

Felizmente, há inúmeros artistas criativos que ultrapassam o comum hábito de anotar excertos. O americano John Sokol transformou obras em autorretratos – utilizando passagens de livros como traços para montar imagens de vários escritores. Ao olhar de longe, lembram bastante as típicas fotografias de orelha de livro, adaptadas em traços soltos.

Para identificar aos poucos as palavras, basta se aproximar. Mas tomem cuidado ao tentar ler as frase ou descobrir a sequência de cada uma – é perigoso se perder entre as mechas de cabelo ou nas expressões faciais de alguns autores!

Italo Calvino, em "Se um viajante numa noite de inverno"

Samuel Beckett, em Esperando Godot

Jorge Luis Borges, em The secret miracle (conto)

Anúncios

Um comentário sobre “Citações transformadas em autorretratos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s